terça-feira, 31 de maio de 2011

Fábrica "Celuloses do Guadiana", em Mourão


Aspecto do interior e maquinaria da fábrica de papel "Celuloses do Guadiana", em Mourão. Autor David Freitas Data Fotografia 1954 dep. - Legenda Fábrica "Celuloses do Guadiana", em Mourão Cota DFT4925 - Propriedade Arquivo Fotográfico CME

domingo, 29 de maio de 2011

Igreja do Convento dos Lóios em Arraiolos


Igreja do Convento dos Lóios em Arraiolos. Os painéis de azulejo que cobrem totalmente as paredes são da autoria de Gabriel del Barco (1700). Esta imagem está publicada no Inventário Artístico de Portugal de Túlio Espanca (Distrito de Évora, Zona Norte, Volume II). Autor David Freitas Data Fotografia 1975 ant. -Legenda Igreja do Convento dos Lóios em Arraiolos Cota DFT4467 - Propriedade Arquivo Fotográfico CME

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Livros sobre os hábitos e costumes alentejanos: Um Ensaio Orizícola no Alemtejo



Link: Um Ensaio Orizícola no Alemtejo

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Cancioneiro Alentejano - A vida de um almocreve

A vida de um almocreve
É uma vida arriscada
Ao descer de uma ladeira
Ao cerrar de uma carrada


Ao cerrar de uma carrada
A vida de um almocreve
A vida de um almocreve
É uma vida arriscada


Já morreu o boi capote
Camarada do pombinho
Quem não é capaz não bote
Regos ao pé do caminho


A vida de um almocreve
É uma vida arriscada
Ao descer de uma ladeira
Ao cerrar de uma carrada


Ao cerrar de uma carrada
A vida de um almocreve
A vida de um almocreve
É uma vida arriscada.

sábado, 21 de maio de 2011

Vista panorâmica de Estremoz


Panorâmica Oriental de Estremoz, vendo-se em primeiro plano o Baluarte de São José, a Porta dos Currais e o casario. Ao fundo, o Baluarte da Frandina, a Pousada da Rainha Santa Isabel e parte da Torre de Menagem do Castelo de Estremoz. Esta imagem está publicada no Inventário Artístico de Portugal de Túlio Espanca (Distrito de Évora, Zona Norte, Volume II). Autor David Freitas Data Fotografia 1975 ant. - Legenda Vista panorâmica de Estremoz Cota DFT657 - Propriedade Arquivo Fotográfico CME

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Pavilhão dos Dormitórios do Cv. Nª Sª Saudação


Convento de Nossa Senhora da Saudação, em Montemor-o-Novo. Em primeiro plano está a cerca medieval da vila e a Torre do Relógio e, em segundo plano, o pavilhão dos dormitórios do convento. Esta imagem está publicada no Inventário Artístico de Portugal de Túlio Espanca (Distrito de Évora, Zona Norte, Volume II).
Autor David Freitas Data Fotografia 1975 ant. - Legenda Pavilhão dos Dormitórios do Cv. Nª Sª Saudação Cota DFT507 - Propriedade Arquivo Fotográfico CME

terça-feira, 17 de maio de 2011

Livros sobre os hábitos e costumes alentejanos: Criação de Gado Ovino no Alentejo


domingo, 15 de maio de 2011

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Cancioneiro Alentejano - A roupa de um marinheiro

A minha mãe coitadinha
Já está farta de chorar
Só por pensar que o seu filho
Vai p’ra vida militar


A roupa do marinheiro
Não é lavada no rio
É lavada no mar alto
À sombra do seu navio


À sombra do seu navio
À sombra do seu vapor
Não é lavada no rio
A roupa do meu amor


Adeus que me vou embora
Adeus que me quero ir
Dá-me os teus braços, amor
Que eu me quero despedir


A roupa do marinheiro
Não é lavada no rio
Etc.

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Capela de Dom Fradique de Portugal, Estremoz


Altar da Capela de Dom Fradique de Portugal, na Igreja de São Francisco, em Estremoz. Esta imagem está publicada no Inventário Artístico de Portugal de Túlio Espanca (Distrito de Évora, Zona Norte, Volume II).

Autor David Freitas
Data Fotografia 1975 ant. -
Legenda Capela de Dom Fradique de Portugal, Estremoz
Cota DFT4527 - Propriedade Arquivo Fotográfico CME

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Castelo de Veiros

Porta Sul da Cerca Medieval do Castelo de Veiros (Concelho de Estremoz). Esta imagem está publicada no Inventário Artístico de Portugal de Túlio Espanca (Distrito de Évora, Zona Norte, Volume II).

Autor David Freitas
Data Fotografia 1975 ant. -
Legenda Castelo de Veiros
Cota DFT647 - Propriedade Arquivo Fotográfico CME

sábado, 7 de maio de 2011

Livros sobre os hábitos e costumes alentejanos: Exploração dos Montados


quinta-feira, 5 de maio de 2011

terça-feira, 3 de maio de 2011

Cancioneiro Alentejano - A barrinha do meu lenço

A barrinha do meu lenço
Foi você quem m’a queimou
Ai, ai, aaai, ai, ai, olaré
Foi você quem m’a queimou,
Ai lé


Com o morrão do cigarro
Quando comigo falou
Ai, ai, aaai, ai, ai, olaré
Quando comigo falou,
Ai lé


Com cinco réis de cigarros
Arranjei uma namorada
Ai, ai, aaai, ai, ai, olaré
Arranjei uma namorada,
Ai lé


Encontrei o meu pai sogro
Lá vai uma cigarrada
Ai, ai, aaai, ai, ai, olaré
Lá vai uma cigarrada,
Ai lé


A barrinha do meu lenço
Foi você quem m’a queimou
Etc.

domingo, 1 de maio de 2011

Pia baptismal da Ig. Matriz do Redondo

Pia Baptismal (1792) e painel azulejar representando o "Baptismo de Cristo" da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Assunção do Redondo.

Autor David Freitas
Data Fotografia 1978 ant. 
Legenda Pia baptismal da Ig. Matriz do Redondo
Cota DFT923 - Propriedade Arquivo Fotográfico CME
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Recomendamos