sexta-feira, 15 de julho de 2011

Cancioneiro Alentejano - Ao Romper da Bela Aurora (Ouvem-se os galos cantar)

Os olhos do meu amor
Não são olhos, são olhões
Andam acesos no mar
Parecem dois lampiões
Ouvem-se os galos cantar
Ao romper da madrugada
Já são horas d’acordar
Levanta-te ó minha amada


Levanta-te ó minha amada
Vem á janela espreitar
Ao romper da madrugada
Ouvem-se os galos cantar


As estrelas do céu correm
Todas numa carreirinha
Também os amores correm
Da tua mão para a minha


Ouvem-se os galos cantar
Ao romper da madrugada
Etc.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Recomendamos